Vamos meditar? Passo a passo para você adotar essa prática no seu dia a dia
A meditação é uma aliada importante no combate à ansiedade | Divulgação AdobeStock

Vamos meditar? Passo a passo para você adotar essa prática no seu dia a dia

Por Movimento Fique Saudável

Tempo de leitura: 2 minutos.

 

Você sabia que quase 19 milhões de brasileiros sofrem de algum transtorno de ansiedade? Com a pandemia da Covid-19, essa se tornou uma preocupação ainda maior dos médicos. Pois a Meditação é uma grande aliada para nos ajudar a encarar melhor esses cenários que desencadeiam forte estresse.

Existem diversos tipos de Meditação: com mantra ou sem, mais ortodoxa ou não, em silêncio ou guiada, de autorreflexão ou autoquestionamento. O importante é começar a fazer da forma que você se sente mais confortável.

Como meditar?

Passo 1: Busque um ambiente silencioso. Pode ser o seu quarto mesmo, com todas as telas desligadas (televisão, smartphone). Deixe a temperatura agradável. Sente no chão em posição de índio. Se você tiver limitação ou dores nos joelhos ou nas costas, por exemplo, pode sentar em uma cadeira. Feche os olhos.

Passo 2: Concentre-se no momento, na sua energia. Inspire e expire profundamente e repetidamente. E importante ficar sentado e consciente. Faça os ajustes corporais, porque você terá que ficar alguns minutos nesta posição. Sinta o corpo, perceba cada músculos e certifique-se que você está bem acomodado.

Passo 3: Respire profundamente pelo nariz contando de quatro a seis segundos, e expire pelo nariz contando em seis segundos. Repita mais ou menos quatro vezes para que a sua respiração encontre um ritmo natural, um pouco mais profundo.

Se você estiver começando com a prática da Meditação, lembre-se que este é um estímulo novo, e existe uma fase de adaptação. Inicie fazendo um leve esforço na respiração e, depois, ao pegar o ritmo, vá, suavemente, aumentando.

DICA: O objetivo da Meditação é que você mantenha o foco em uma única coisa, no caso, a sua respiração. Os pensamentos virão à cabeça, e não tem problema. Apenas não dê energia a eles e deixe que passem, com amor e carinho, como se fossem nuvens. Tudo é questão de treinamento, e com a Meditação não é diferente. Repita diversas vezes até aderir e começar a sentir os benefícios.

Qual o tempo ideal para meditar?

Inicie com cinco minutos por dia e vá aumentando. Praticando cerca de 10 a 15 minutos por dia, depois de 30 dias, você já terá benefícios incríveis, como da paz interior, algo tão importante nos dia atuais, não é mesmo?

Fique consciente, prestando atenção em você, se observando e focando atenção plena no momento presente. Encare a Meditação como mais um hábito de higiene, como escovar os dentes, na sua vida. Você perceberá os incríveis resultados!

Fonte: Carla Lubisco, especialista em Bem Viver

Todos podem meditar?

Algumas práticas são mais difíceis para algumas pessoas, então, se você tem algum trauma no seu passado, se sente dificuldade em ficar em estados emocionais diferentes, é importante contar com apoio de um especialista para essa prática. O mesmo acontece se você está fazendo uso de medicamentos para algum transtorno na psique ou se está em um estágio muito avançado de estresse.

 

FELICIDADE
Jorge Kalil
Jorge Kalil

Quem é feliz vive mais?

Tempo de leitura: 2 minutos. A felicidade está intimamente ligada à saúde. Sim, bons momentos vivenciados ao longo dos dias, semanas, meses e anos que

Leia Mais »
Faça seu comentário